Início » 6 Dicas para uma mudança de casa tranquila

6 Dicas para uma mudança de casa tranquila

Mudança Tranquila

Com todo o estresse de uma mudança “preparação” é o que vai fazer tudo correr tranquilo.

O dia da mudança pode ser bastante desafiador, por isso a Moovers preparou checklists e várias dicas para te auxiliar.

Vale lembrar que caso você queria falar com algum de nossos atendentes, nós oferecemos consultoria totalmente gratuita para te ajudar na mudança. Por telefone ou whatsapp, você escolhe o canal e a Moovers entra em contato para te ajudar.

Banner Whatsapp

COMO TER UM DIA DA MUDANÇA TRANQUILO

1 – Agende todos os serviços com antecedência

Quando nos mudamos de imóvel é normal esquecermos de agendar todos os serviços básicos. Para evitar frustrações e dores de cabeça, é aconselhável fazer um “checklist” de tudo que você gostaria que já estivesse funcionando na casa nova.

Separamos uma lista com os serviços que sugerimos que sejam contratados/providenciados antes da sua mudança:

  1. – Transportadora
  2. – Empresa de laçamento de móveis
  3. – Limpeza
  4. – Luz
  5. – Gás(religação ou nova contratação)
  6. – Água(se for casa)
  7. – Televisão por assinatura
  8. – Telefone fixo
  9. – Internet banda larga
  10. – Atualização de cadastro em contas de celular, cartão de crédito, assinatura de revista e afins

Moovers irá te ajudar no seu checklist

Preencha o formulário abaixo que nossos especialistas entrarão em contato e irão te ajudar a organizar sua mudança! É de graça e sem burocracia!

NomeEmailTelefoneEnviar

2 – Durma bem

Uma noite tranquila de sono faz toda a diferença para que no dia da mudança você acorde renovado, cheio de energia e consiga fazer com que o dia seja o mais produtivo possível. Ahh! Se a mudança for de manhã, não esqueça de programar seu despertador.

3 – Cuide da alimentação e hidratação

Com a correria da mudança, muitas vezes a alimentação é deixada de lado, e acabamos pulando refeições ou até ficando o dia todo sem comer. Principalmente no calor, se hidratar e se alimentar é parte fundamental para manter seu bem-estar e seu estado de espírito (fome deixa muita gente de mal humor).

A dica é preparar lanches rápidos e leves como sanduiches naturais e separar garrafinhas de água para não passar aperto no dia “D”.

4 – Embale bem os objetos frágeis e organize as caixas

Quando o transporte da mudança chegar, os objetos menores já devem estar devidamente encaixotados.

Esse cuidado de organizar as caixas e separar os objetos por cômodo (com a identificação escrita do lado de fora de cada caixa) certamente irá te facilitar muito a desempacotar e arrumar as coisas na casa nova.

Lembre-se de embalar bem os objetos frágeis como louças, vidros e eletrônicos como televisão ou até algum outro móvel que você não queira que risque.

Muita fita adesiva, jornal, plástico bolha, papel de presente velho, toalhas – nessa hora vale tudo para proteger seus pertences e tudo chegar na sua casa nova do jeitinho que você imaginou.

5 – Verifique o tamanho de seu móveis

Alguns móveis como sofás, camas e mesas podem ser muito grandes para subir de elevador até o seu andar (ou de escada se for uma casa). Para isso existem empresas especializadas em içar esses móveis pela janela.

Algumas transportadoras realizam esse serviço, mas isso deve ser previamente contratado, pois exige um equipamento específico.

6 – Notifique seu condomínio e fique atento no horário

Para quem está saindo ou entrando em condomínio, quase sempre é necessário avisar o síndico (ou zelador) sobre a data e horário da mudança e fazer isso pode evitar que você seja barrado na entrada.

Os elevadores recebem uma cobertura especial para mudança e se você for inquilino, pode ser que precise apresentar ou o contrato de locação ou uma autorização do proprietário para realizar a mudança e avisar o prédio de que você é o novo morador.

Atente-se ao horário que o condomínio permite as mudanças. Geralmente o horário é restrito ao horário comercial para não atrapalhar os outros moradores.